Publicado em:

Deputado Jorge Braz no programa Palavra Aberta: “Nossos dados são a moeda mais valiosa do mundo”


“Nossos dados são a moeda mais valiosa do mundo”, afirma deputado federal Jorge Braz
>> Assista a Entrevista:

O deputado federal Jorge Braz (Republicanos-RJ) participou do programa Palavra Aberta, da TV Câmara, sobre a Lei Geral de Proteção de Dados que entrará em vigor em agosto do ano que vem. O objetivo da lei é acabar com tanta vulnerabilidade a que estão expostos os dados pessoais do consumidor brasileiro. Durante a entrevista, o deputado, que é segundo vice-presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara, enfatizou que estamos numa época em que a economia mais poderosa do mundo é a digital. “Estamos na 4ª Revolução Industrial: as Indústrias 4.0”, disse.
O deputado falou sobre as grandes facilidades da tecnologia que acabam gerando invasão de privacidade. “Não conseguimos viver sem internet, sem celular, mas eles não funcionam sem aplicativos. Só que, para utilizá-los, é exigido que informemos nossos dados pessoais. E as grandes tecnologias, uma vez com essas informações, acessam os nossos endereços ao ponto de adquirirem 5 mil informações sobre uma pessoa. Já tivemos uma empresa inglesa que decidiu eleições em dez países em um ano”, destacou Jorge Braz.
O parlamentar enfatizou o poder de programas que conseguem definir a personalidade do internauta, seus gostos e direcioná-lo até na sua decisão política. “Os nossos dados pessoais são a moeda mais valiosa do mundo. Sem eles, todas essas grandes empresas param”, afirmou.
O deputado Jorge Braz informou que a Comissão de Defesa do Consumidor realizou três audiências públicas sobre proteção de dados, presididas por ele na Câmara. Braz é autor de um requerimento que propõe que a autoridade que estará à frente da proteção de dados, quando a lei entrar em vigor, seja especialista com experiência em trabalho na defesa do consumidor.

Ascom Deputado Jorge Braz